Programa Cleantech Camp – Lisboa Green Capital 2020
-Notícias

Programa Cleantech Camp

A 5ª edição do Cleantech Camp está à procura de novos projetos no setor das energias limpas e o vencedor recebe 20 mil euros.

O programa de aceleração internacional Cleantech Camp, que procura ideias ou empresas em fase inicial no setor das energias limpas, termina a fase de inscrição no próximo domingo, dia 1 de março. Este programa é organizado pela EIT InnoEnergy, em parceria com a Câmara Municipal de Lisboa, Naturgy, Enagás, CRH, Prio e Barcelona Activa, além de contar com a ZBM Patents, Ateknea Solutions e a Osborne Clarke para formar os empreendedores.

O objetivo principal deste Cleantech Camp é o de incentivar a inovação aberta entre as empresas parceiras do programa e as startups participantes, de forma a gerar um ecossistema de troca de conhecimento, que irá beneficiar tanto as grandes empresas como as que estão em fase de desenvolvimento.

Das candidaturas serão escolhidos até 15 projetos para participar no Cleantech Camp 2020. Os projetos escolhidos entrarão num programa de formação de quatro semanas que passará por Lisboa, Barcelona e Madrid e será composto por workshops especializados para o desenvolvimento de projetos, sessões de formação e de networoking, liderados por diferentes especialistas.

O projeto vencedor receberá um prémio de 20 mil euros, enquanto ao segundo e terceiro lugar caberá 5 mil euros respetivamente.

Porquê Participar?

  • Para adquirir o conhecimento necessário para lançar um projeto no mercado;
  • Conhecer as diferentes formas de financiamento público e privado:
  • Analisar as competências da equipa;
  • Preparar a apresentação para potenciais investidores;
  • Interagir com pessoas do setor, como outros empreendedores, investidores e indústria;
  • Conhecer o ecossistema empreendedor da Espanha e Portugal relacionado com projetos de energia limpa;
  • Visibilidade internacional do projeto;
  • Conhecer agentes do setor relevante, como business angels, VCs, potenciais clientes e especialistas em empreendedorismo e energia;
  • Acesso ao processo de seleção do programa de investimentos InnoEnergy.

Áreas Temáticas:

  • Biogás e Hidrogénio;
  • Economia Circular;
  • Eficácia Energética;
  • Internet das coisas e inteligência artificial energética;
  • Energias renováveis;
  • Cidades inteligentes;
  • Fábricas Inteligentes;
  • Rede elétrica Inteligente;
  • Mobilidade sustentável.

Datas-Chave

  • Até 1 de março – Candidaturas;
  • 17 e 18 de março – Entrevistas e processos de seleção;
  • Março a maio – Desenvolvimento do projeto;
  • 18 de junho – evento final.

As inscrições para a participação no programa são feitas online no site do projeto.