O impacto do plástico e como o reduzir com pequenos gestos – Lisboa Green Capital 2020
-Notícias

O impacto do plástico e como o reduzir com pequenos gestos

Segundo dados da ONU, se os padrões de consumo mundiais continuarem ao ritmo atual e não se alterar a forma como se trata dos resíduos, até 2050 existirão mais de 12 mil milhões de toneladas de plástico em aterros sanitários ou na natureza.

Todos os anos são produzidos cerca de 300 milhões de toneladas de resíduos plásticos, uma grande parte é feita para ter uma única utilização, como é o caso das embalagens e que, em 2015, representavam quase metade dos dejetos plásticos produzidos. A isto acresce outro tipo de plástico como os utilizados em talhares, pratos, garrafas e cotonetes, sem esquecer claro, o plástico utilizado nos filtros dos cigarros.
Destes 300 milhões de toneladas, são mais de oito milhões de toneladas que vão parar ao fundo dos oceanos todos os anos, representando assim, 80% do lixo acumulado no mar. Se os valores continuarem a evoluir desta forma, qualquer dia, teremos mais plástico no mar do que peixes. Na nossa costa, cerca de 20% do peixe já ingere estas substâncias nocivas. 

Assim sendo, para tentar reverter o impacto ambiental do plástico, mais de 60 países e instituições colocaram em vigor planos de ação que limitam os plásticos de uso único. Mas, segundo estimativas, são usados entre 1 a 5 mil milhões de sacos de plástico por ano em todo o mundo, representado quase 600 milhões por ano. O que dificulta mais a missão. Mas, sabendo nós o quanto o plástico é perigoso para o equilíbrio do nosso ecossistema, vamos fazer a nossa parte e tentar minimizar as utilizações deste. Com pequenos gestos conseguimos fazer a diferença.

Nas compras 

Tenha sempre consigo um saco para ir às compras. Os de pano são uma ótima sugestão pois basta dobrar e guardar na carteira, não ocupam espaço nem representam um peso extra. Outra das coisas com que nos deparamos quando vamos às compras é que o plástico está em todo o lado, desde os alimentos embalados até ao plástico utilizado para guardarmos verduras e frutas. Uma das maneiras de o evitar é comprar a granel. Neste caso opte por levar frascos de vidro, que pode reutilizar, para colocar cereais, massas ou arroz.
Para as frutas e vegetais, pode sempre utilizar sacos de rede ou de organza, ou mesmo os de papel que já são disponibilizados por algumas lojas.

Produtos reutilizáveis

Em vez de comprar garrafas de plástico, que tal optar por garrafas reutilizáveis em aço inoxidável ou de vidro? São mais amigas do ambiente e bem mais douradoras.
Se é daquelas pessoas que não dispensa a palhinha de plástico, saiba que há outras opções mais sustentáveis como as palhinhas de aço inoxidável, de bambu, massa alimentar ou mesmo as comestíveis.
Outro utensílio que deve ter sempre à mão, de forma a evitar o desperdício de plástico, é o copo de vidro ou de fibra de bambu.

Limpeza 

No que toca a limpeza, use panos reutilizáveis em vez de toalhitas ou esponjas e dê primazia a detergentes ecológicos. Pode até optar por receitas caseiras para deixar a casa mais brilhante, o vinagre, limão e bicarbonato de sódio são uns excelentes aliados nesta missão. E para deixar a casa ainda mais cheirosa, que tal optar por utilizar cascas de citrinos, em vez de ambientadores com aromas artificiais?

Hábitos de higiene

No que toca à higiene há um sem fim de coisas com embalagem de plástico. São os champôs, o gel de banho, o desodorizante, a pasta e escova de dentes, tudo está rodeado de plástico e parece uma missão herculana conseguir trocar estes produtos por algo mais sustentável. No entanto, já existem bastantes opções no mercado que facilitam esta troca, muitas marcas já apostam em produtos embalados em papel e cartão. Quanto à escova de dentes, da próxima vez que precisar de a substituir aposte numa de bambu.

O fio dentário também pode ser trocado por um feito de produtos naturais como cardamomo, carvão ou menta. No mundo da cosmética, é evitar os que têm microesferas, como os esfoliantes, pois contaminam as águas. Escolha discos de algodão reutilizáveis para retirar a maquilhagem, esponjas naturais para esfoliar e cotonetes de bambu e algodão.