Sustentabilidade é a palavra de ordem no Jantar Oficial de Abertura da Lisboa Capital Verde 2020 – Lisboa Green Capital 2020
-Notícia Geral

Sustentabilidade é a palavra de ordem no Jantar Oficial de Abertura da Lisboa Capital Verde 2020

No jantar oficial de abertura da Lisboa Capital Verde 2020, na Estufa Fria, a mensagem foi unânime por todos os convidados, sejam eles presidentes de autarquias ou representantes Europeus: a sustentabilidade é um caminho de evolução que se deve fazer em conjunto.

O presidente da CML, Fernando Medina reconheceu que “Lisboa não é a cidade mais verde mas foi a que mais evoluiu. Temos confiança no compromisso de sustentabilidade assumido e nos projetos que temos para a cidade. Este prémio é uma responsabilidade de futuro que nos vai incentivar ainda mais para mudança e em sermos um exemplo para outros, mobilizando todos para esta batalha contra as alterações climáticas. Porque todos devemos fazer a nossa parte”.

Durante a cerimónia o vereador do pelouro do Ambiente da CML, José Sá Fernandes, entregou aos presidentes dos municípios de Oslo (Capital Verde 2019), de Lahti (Capital Verde 2021), bem como aos representantes da Comissão Europeia, o símbolo da Lisboa Capital Verde 2020, uma árvore que forma a palavra Lisboa, bem como as bandeiras da Capital Verde, Lisboa e Portugal, feitas a partir de plástico recolhido dos oceanos.

Esteve ainda presente o ministro do Ambiente, João Pedro Matos Fernandes, que deixou uma palavra de apoio e incentivo aos projetos de futuro da cidade.